domingo, 9 de dezembro de 2012

Resenha - Ressurreição, de Machado de Assis

*

Título Original: Ressurreição
Ano de Publicação: 1872
Páginas: 168 *edição atualizada*
Editora: FTD
Nota: 50/100

O abandono de leituras é um tipo de coisa que eu considero cruel. Tudo bem, há muitos livros bons para serem lidos e o tempo é curto, mas é bom dar uma chance para todos, não é mesmo? Ele pode acabar melhorando no final. Acontece que Ressurreição é um livro que eu abandonaria facilmente se estivesse lendo por conta própria. Nada contra Machado de Assis, eu até tenho uma vontade antiga de ler outro livro dele, mas... Narrativa complexa mais uma vez complicando minhas leituras. Eu estou à procura de um livro antigo realmente BOM. Dizem que quanto mais você lê livros assim, mais se acostuma com a narrativa característica da época e tudo se simplifica. Então, aí está a solução: Ler. Livros. Antigos.

Félix é um médico solteiro de 36 anos que se tornou um desacreditado no amor por conta de sua exagerada desconfiança oriunda de uns traumas passados. A possível ressurreição do coração do médico aparece quando ele conhece Lívia, uma jovem viúva romântica e fiel. Rio de Janeiro, tempo do Império, ótimo cenário para um romance eterno ou não.

A história acontece mais ou menos no intervalo de um ano, desconsiderando o epílogo. Tudo começa na manhã de Ano-Novo quando a aura de vida nova que o primeiro dia de janeiro traz surge na vida de Félix e ele resolve romper o relacionamento com Cecília. Não antes de ser convidado por Viana, amigo e irmão de Lívia, para um jantar na casa do coronel.
"Dispondo de todos os meios que o podiam fazer venturoso, segundo a sociedade, Félix é essencialmente infeliz. A natureza o pôs nessa classe de homens pusilânimes e visionários, a quem cabe a reflexão de poeta: "perdem o bem pelo receio de o buscar".
Sinceramente, estava esperando um final óbvio e me surpreendi um pouco. Isso fez metade da leitura valer a pena. Gostei bastante da maneira madura com que Lívia agiu em certos momentos. Ressurreição foi o primeiro livro que li de Machado de Assis e sinceramente, não queria ter começado com esse. Ainda tenho esperança de gostar mesmo de uma história dele.

P.S.: Esse ano, Ressurreição completou 140 anos desde que foi lançado. É, já tem um tempinho...
*Acreditam que eu não encontrei uma foto sequer da edição que realmente li? Humpf!

Vocês já leram alguma obra de Machado de Assis? Se sim, qual? A vontade antiga que eu citei no início é de ler "Dom Casmurro". Eu não perdi um capítulo de "Capitu", aquela minissérie que passou na Globo em 2008. Acho que foi lá que comecei a me apaixonar por trilhas sonoras. :)

10 comentários:

  1. Vc leu por causa da escola?
    Já li Dom Casmurro e Memórias Póstumas de Brás Cubas e adorei os dois. Realmente, quando mais vc lê, mais fica familiarizada com os termos.
    Capitu é bastante fiel! Eu assisti alguns capítulos com o livro em mãos, e ia acompanhando. Aquela produção é INCRÍVEL.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso! Leitura obrigatória. Tá aí mais uma razão para eu não ter gostado muito: pressão para ler, provas, coisas do tipo.
      Obrigada por comentar! *-*

      Excluir
  2. Nunca li Machado de Assis, mas tenho uma mega vontade de ler.
    Beijocas!
    http://bobagemdagente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, leia. Cultura nunca é demais. :)

      Excluir
  3. Olá!
    Nunca li Machado de Assis também, shame on me. Tenho vontade de ler, mas nunca mais apareci lá na Biblioteca Pública pra pegar nada... e comprar esse tipo de livro não é o meu forte.
    Beijos

    Andressa
    http://umdiaacadalivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehe. Também não sou acostumada a comprar clássicos por conta própria. :s
      Obrigada por comentar! *-*

      Excluir
  4. Oi.
    Já li alguns livros deste autor, por obrigação na época da escola e quando eu estava estudando para prestar o vestibular, mas não foi este aí. Não me recordo o nome, mas sei que é um dos seus títulos mais conhecidos e a história foi até agradável.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Nunca li esse livro não, mas li um livro só de contos de Machado de Assis e o meu preferido é o da Cartomante :)

    Beijokas :*
    Blog da Mylloka

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Ressurreição" é menos conhecido que outras obras dele mesmo. Deve ser porque é o primeiro romance do autor nessa "nova fase", como cita a introdução.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...